quarta-feira, 1 de setembro de 2010

... o homem mais gay do mundo, meu pai.

   Lá estava ele, sobre aquele vórtice de almas( e todos os caras que um sujeito normal tem que matar em um filme Holywoodiano de artes marciais), olhando para o nada no topo de uma estranha escultura gigante cinza e todo o tipo de céu que você quiser imaginar( Azul com nuvens, azul sem nuvens, amarelo, azul com o pôr do Sol, azul com o nascer do céu, escuro, negro, vermelho, etc).

   Diferentemente de outras histórias, no final dessa,( que não era o final, ou era, como quiser) o herói não tinha achado sua moral( ou sua, como queira). Ele havia superado o seu Shifu "maligno" e matado todos os "comparsas maus", e lá estava olhando para o nada (Ou Sol, ou Lua, ou o que você quiser, porra!!). Vazio, como só um guerreiro após treinar 30 anos consecutivos, e dar o propósito todo da vida para uma ação de no máximo 30 minutos, pode se sentir. Estava seco, morto e vivo, transcendendo e enlouquecendo. Queria poder reencontrar seu mestre agora, e dizer- lhe que seu pupilo era um monstro. Mas não podia. Shifu estava morto. Morto... morto... morto... morto...

   O corpo sem alma então cai sobre as escadarias do gigantesco monumento cinza, combinando os quiques e as alturas seu volume carnal parecia uma bola que se esticava e se tornava redonda novamente. Aos poucos, com o sangue e pedaços de carnes lascadas passando pelo ar, ele viu. Viu cada pedaço da vida dele, como podia ver uma colcha de retalhos, como podia ver um laço de fita vermelha chinês, como podia ver




( o seu cu seu filho da puta!!! PORRA!!!! SOU EU QUE TO ESCREVENDO A HISTÓRIA, BUCETA!!!!EEEEEEEEEEEEUUUUUUUUUUU!!! VAI TOMAR NO CU!!!!)


fotos em um álbum, e( porra, mas que merda!! Sinceramente!!!)

quando a passagem para o mundo dos mortos estava prestes a acontecer... então finalmente... finalmente...


(AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.... ESQUECI PORRAAAAAAAAAAAAAA VOCÊ ATRAPALHOU VOCÊ ME FUDEU, VAI TOMAR NO CU, VAI SE FUDER AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA


AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHHH!!!!!!!!!!!!!!


bOM... CONTINUEMOS A HISTÓRIA... eeerrrrr


Ele então foi para o inferno, e o diabo enfiou o tridente no rabo dele e disse que ele teria que ficar ali para todo o sempre, e aí ele sentiu muita dor no seu anus ( NO SEU PORRA É É É É É É É!!! NO SEU SEU VIADINHO PORRRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!)


AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA


(Esse foi seu sofrimento no Inferno!)


AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA


E então se houve um eterno eco de seu próprio grito, onde os únicos sons diferentes são seu grito reproduzido de fundo e a poesia de Satanás ( feita com a ajuda de Flávia Dôria, flaviadoria.blogspot.com, e Rafael Sperling, somesentido.blogspot.com, num jogo onde um escreve três versos vendo apenas o último do companheiro ao lado e depois passa para o outro, que escreve três vendo apenas o último deste...):


   Júlia perdia fácil a paciência com o trânsito por isso fechava os vidros do carro para xingar:

-Filho da puta! Vai tomar no cu! Lágrima de cu é diarréia. Vai tomar no cu, sonâmbulo.

   Então o sonâmbulo enfiou o cabo de vassoura dentro de sua bunda toda rasgada e esporrada.

   A merda cobria todo o ambiente exalando um cheiro insuportavelmente fétido. 

   Comi com muito prazer a melancia ao lado do porco-espinho. Aquelas manhãs eram...

as mais modorrentas. Caminhava como se fosse o homem mais gay do mundo, meu Pai.

   - Sim, seu pai é mesmo um ditador!!

   Cu, isso mesmo! Cu buceta, cu, membros et tronco, veados brancos e...

negros, todos unidos em uma grande punheta celestial. 

   Afinal, qual o problema com a masturbação? É sexo com alguém que eu amo.

   Travesti de rola é cu, bucete-me se eu estiver errado

   já estou em casa





6 comentários:

Luiza Schiavo disse...

continuando o diálogo de amor do msn:
tranks vc não ser sensível mas o fato é que se eu sou um homem vc é viado rerererererererere
(to pegando essa sua mania de agir que nem doente mental)

Álvaro Juvenal disse...

Hahauhuahhuahauhahuauha... que bela opinião sobre o meu texto!

Aline Besouro disse...

Anais da juventude

(risos)

Edu disse...

Nossa velho... se eu analiso, fico chocado, se eu ignoro eu dou risada. Vc é doido, certeza! hahha

Abraz

flaviadoria disse...

Vão achar que a gente sofre de Síndrome de Tourette.

Quem é a dona das mente feminina? disse...

Cara vc vai achar meio louco eu escrever isso aqui, mas achei muito Robert Rodriguez isso, tipo aquele filme Era uma vez no México.